Stephen Curry lança coleção de 2.974 tênis virtuais e vende todos

Descalço no metaverso você não fica
foto de Stephen Curry

O astro do Golden State Warriors, Stephen Curry, tem feito história na NBA. Na quarta-feira passada, tornou-se o maior pontuador de cestas de três pontos com 2.974 lances. O ídolo aproveitou para lançar duas coleções de NFTs, uma com figurinhas suas e outra de tênis virtuais.

Que homem! 

E eu com isso? Nem gosto de basquete. 

Talvez você não acompanhe o esporte, mas certamente está ligado nas tendências do mercado financeiro. Ultimamente, o tópico que mais tem atraído críticos e fãs é o metaverso.

Esse espaço virtual que promete simular o mundo físico está dando passos largos em direção a nossa atual realidade. Sobretudo no que diz respeito à economia que vai dominar esse ambiente.

E a estrela do Warriors aposta muito nisso. Por essa razão, lançou duas coleções de 2.974 NFTs, em homenagem ao surpreendente número que alcançou. 

De novo esse papo de NFTs? Que coleção é essa? 

A primeira coleção de NFTs são figurinhas, como as de um álbum. Mas nesse caso, elas são virtuais. Cada uma dessas figurinhas é de um lance do jogador pop do momento. 

A segunda contém tênis digitais. Os compradores poderão usá-los em três diferentes plataformas, sendo elas; Decentraland, Gala e The Sandbox. 

Agora vamos aos preços. 

Com relação às figurinhas, os valores não são definidos. Algumas delas podem custar muito mais que outras. A Primeira, por exemplo, custou US$ 2.800. Já a de número 2.974 custou US$ 1 milhão. 

Sobre os tênis, cada um custou US$ 333. 

Todos os itens de ambas as coleções foram vendidos em instantes. 

O que isso significa, ADM?

É tudo muito novo para todo mundo, mas transações como essas, em que centenas e milhares de dólares são gastos em produtos virtuais, indicam que as pessoas não querem ser pegas de surpresa. 

O mercado está sempre se antecipando. Contudo, ele não é burro. Se movimentações como essas estão acontecendo é porque as chances do metaverso evoluir são grandes. 

E então, quando a nova realidade se apresentar, lá estarão os visionários corajosos com seus criptoativos para negociar e fazer a economia girar. 

Será que no final alguém vai ganhar ou vai perder? Ou vai todo mundo perder?

Inscreva-se na nossa newsletter!