Posicionamento de marca: como criar uma marca forte em um mercado tão competitivo?

Posicionamento de marca: como criar uma marca forte-Brand_-name_-logo_-identify_-quality_-strategy-palavras-escritas-em-postits-

Para começar, vou contextualizar um caso recente de rebranding e depois compartilho com vocês meus aprendizados e estratégias para criar um posicionamento de marca forte, que represente o propósito da empresa.

Recentemente, participei de todo o processo de reformulação de uma marca, com o objetivo de coroar o novo momento da empresa e solidificar qualidades e a proposta de valor frente ao público.

Não foi uma tarefa fácil, pois envolve muito estudo e planejamento de ações estratégicas, mas os resultados estão cada vez mais evidentes e tenho comemorado muito isso.

Pensando em tudo o que aprendi com essa experiência, quero dividir com vocês algumas das principais ações que também podem te ajudar a fortalecer sua marca no mercado, além de impulsionar o crescimento de seu negócio!

O que é posicionamento de marca?

A palavra marca normalmente nos remete diretamente ao nome e logotipo de uma empresa. É verdade que existe sim essa associação, mas o conceito de marca vai muito além dessa construção. 

Dentro do marketing, por exemplo, tratamos a “marca” como identidade ou representação de uma empresa. São os pontos e diferenciais que as diferenciam de seus concorrentes, já que toda a marca está relacionada ao que as pessoas pensam e falam do modelo de negócio, produtos e serviços.

Mas afinal, o que é uma marca forte e o que essa simbologia gera de impacto aos resultados?

Uma marca forte é aquela que possui referências fáceis de se lembrar, ou seja, é a percepção que o público tem da empresa, por meio de sua comunicação. Exemplo disso é a escolha certa da representação gráfica que está no logotipo, símbolos, fontes, cores, textos etc.

Já a gestão da marca é conhecida como branding, uma estratégia que reúne diversas ações que visam moldar a impressão que o público tem da empresa. Entender esses conceitos é fundamental para começar a desenvolver de fato uma marca de posicionamento único.

Agora você deve estar se perguntando em qual momento é necessário pensar nessas mudanças para se traçar um planejamento estratégico em relação a um novo conceito de marca, certo? Eu te respondo, quando as composições de representações de marca já não identificam mais os propósitos e valores construídos pela empresa.

Como definir um posicionamento de marca forte?

A marca está relacionada a alguns fatores de representação que constroem uma identidade única. Entre elas, estão as identidades visual e verbal, a comunicação e, é claro, as impressões que as pessoas têm do seu negócio em todos os pontos de contato. Com base nessa ideia, posso definir alguns aprendizados básicos para se criar uma marca forte.

1. Crie uma identidade visual impactante, mas que também comunique o propósito da empresa

A identidade visual é a união de diversos elementos que acompanham os conteúdos e canais de comunicação, como cores, desenhos, formas, logotipo, fontes e texturas. Ela tem o poder de gravar na memória do público a identidade do negócio.

Esse aspecto precisa ser muito bem planejado para garantir que o design realmente expresse a identidade da empresa, o que inclui seu posicionamento, missão e valores.

2. Defina suas estratégias de comunicação lembrando que os canais escolhidos “emprestam” qualidades para a sua marca

É essencial que você pense na forma com a empresa vai se comunicar com o público. Esse “tom de voz”, ou identidade verbal, define a personalidade do seu negócio e deve estar adequado ao seu público-alvo. Essa escolha influencia na seleção de palavras, o estilo de discurso, assuntos abordados, entre outros aspectos.

Outra decisão está nos canais de comunicação usados para alcançar as pessoas. Neste ponto é importante utilizar as redes sociais, blogs, veículos da imprensa ou o que mais faça sentido para o seu público e estratégia. Marcar presença nestas plataformas é uma maneira importante de buscar proximidade com as pessoas e criar percepções para sua empresa.

3. Lembre-se, uma marca forte sozinha, não faz verão: invista na relação com cliente.

Um dos elementos que mais gera impacto para a força da marca é a experiência que a empresa cria tanto para consumidores, quanto para o seu público interno. Os profissionais da sua equipe precisam ser valorizados. Por outro lado, os clientes também devem sentir que contam com um atendimento humanizado, efetivo e que os processos realmente funcionam.

Quando não há produtos de qualidade ou serviços eficientes, pouco adianta campanhas de marketing que visem uma marca forte. A verdadeira força da empresa está nos resultados que ela entrega. Isso gera confiança e credibilidade para o público.

Percebemos, então, que para ter um posicionamento de marca forte é necessário definir estratégias que aprimorem não apenas a estética da empresa e de seus produtos, mas também o core do negócio em todos os seus processos. Essas ações trabalhadas juntas promovem um crescimento sustentável e o sucesso do empreendimento.

Aproveite também para ler o artigo com 4 dicas de empreendedorismo para quem está começando e visitar o site do banco Linker.

Inscreva-se na nossa newsletter!