Nubank anuncia saída de Anitta do seu Conselho

Segundo o banco, a cantora deixou o cargo no Conselho em virtude de sua carreira internacional
Imagem de Anitta segurando cartão do Nubank

“Prepara que agora, é hora, da Anitta embaixadora”. Sim, essa foi a música que o Nubank cantou enquanto anunciava que a star brasileira sairia de sua mesa de conselheiros.

Anitta e Nubank em nova fase

O Nubank anunciou nesta terça-feira (09) a saída da popstar Anitta do seu Conselho de Administração. De acordo com o banco digital, a decisão seria da própria cantora, que preferiria, neste momento, focar em seus compromissos internacionais.

No entanto, esse não foi um anúncio de divórcio na relação entre Anitta e o roxinho, já que ela passará a atuar como embaixadora da marca. Nesse sentido, agora, o papel da cantora estará orientado nas estratégias de crescimento e marketing do banco.

Leia mais:

Brasil tem deflação em julho, a maior em 42 anos

Brasileiros batem recorde de endividamento em julho

Anitta conselheira?

Primeiramente, uma pausa para entendermos para que serve a figura do Conselho de Administração. Imagine uma empresa com vários setores, diretores e ideias de como tocar o negócio, tendo que alinhar todas as estratégias com as metas dos acionistas.

Pois bem, é baseado nesse cenário em que decisões precisam ser tomadas, que surge a figura dos conselheiros. Ou seja, ao observar suas necessidades, as empresas selecionam profissionais para orientar as lideranças, cada um em sua área de especialidade.

Portanto, quando o Nubank convidou a Anitta para o posto em 2021, o intuito era que ela pudesse auxiliar, sobretudo, no marketing da empresa. Desde lá, segundo o banco, a cantora tem sido peça fundamental em se tratando das estratégias digitais da marca.

Quais os próximos passos?

A partir de agora, como embaixadora, Anitta se envolverá com os projetos de comunicação do Nubank. Sobretudo, neste ano, participando de iniciativas sociais e na promoção de educação financeira, além de representar a marca que patrocinará a Copa do Mundo.

Por outro lado, quem ocupará a vaga deixada por Anitta será Thuan Pham, ex-diretor da Uber entre 2013 e 2020. Contudo, o nome ainda precisará passar pela aprovação da Assembleia assim que o mandato da cantora chegar ao fim.

Inscreva-se na nossa newsletter!