Natura faz parceria com startup e vai usar drones para fazer entregas

Em busca de melhorar a experiência do consumidor e acelerar as entregas, iniciativa também apoia agenda ESG
drone da natura

A Natura (NTCO3) está se preparando para entregar seus produtos por meio de drones.

A iniciativa nasce em conjunto com a startup Speedbird Aero, que se juntou à Natura em um programa que buscava startups com potencial para trabalhar junto com a companhia.

A empresa prevê o início dos voos para 2022 em busca de melhorar a experiência do consumidor e acelerar as entregas em regiões mais distantes, sendo que o uso da tecnologia também contribui com a meta da redução de emissões por parte da empresa.

Um dos objetivos que a Natura tem dentro da agenda ESG (Environmental, Social and Governance – questões de meio ambiente, sociais e de governança) é zerar as emissões líquidas de carbono até 2030, segundo o diretor de inovação e logística do grupo Natura & Co, Leonardo Romano.

Ele ainda ressalta que a ideia não é esperar um drone “entrando pela janela com perfumes”, mas sim a regulação exige locais definidos previamente para partida e chegada nas rotas – no caso, shoppings, condomínios e centros de distribuição.

Segundo informações da empresa, o projeto piloto deve ser capaz de voar cerca de 200 km e de carregar até 10 kg de encomendas.

O uso de drones não é de hoje. Sua atuação mais comum nos últimos anos tem sido por produtores rurais para o mapeamento de grandes áreas. Agora, no entanto, eles estão ganhando novas áreas de atuação em ambientes urbanos, como controle de estoques em centros de distribuição e entregas de produtos.

Taxi aéreo e carros voadores já foram pautas aqui na The Compass.

A parceria neste momento trabalha em testes internos para otimizar os melhores veículos para serem utilizados nas entregas, além de analisarem rotas para que a Anac (Agência Nacional de Aviação Civil) autorize.

Economia sustentável é um tema em alta – e necessário – e a Natura sabe disso. Por isso, sempre se preocupa com a agenda ESG.

Inscreva-se na nossa newsletter!