Mercedes quer competir forte com Tesla no segmento de veículos elétricos

Bom dia para os donos de Mercedes
Mercedes-EQA-sendo-carregado

Se você tem uma Mercedes na garagem já saiba que ela vai ficar desatualizada, porque os carros elétricos da companhia prometem chegar com força!

A montadora quer investir mais de 40 bilhões de euros até 2030 para entrar na competição de veículos elétricos. Uma das propostas é especialmente enfrentar a maior montadora de carros elétricos do mundo: a Tesla.

E essa parece ser sim uma tendência mundial das montadoras… Além dos fortes investimentos da Mercedes, a Volvo, a General Motors e a Volkswagen já querem ter frotas inteiras de carros totalmente elétricos até 2030.

Segundo o presidente-executivo da Mercedes, até 2025 o investimento em motor a combustão será tão nulo que chegará a “próxima de zero”.

Como será essa transição? 

Toda mudança vem com consequências, e essa tendência para veículos elétricos aparentemente não veio de “modinha”. 

Apesar da dificuldade de trazer a tecnologia de carros elétricos para alguns países, incluindo o Brasil, como já falamos aqui na The Compass, as nações mais desenvolvidas já contam com automatizações insanas na construção dos carros.

Então, uma consequência que será sentida logo de cara é a diminuição de vagas de emprego nessas montadoras. Isso porque nos carros elétricos a construção é muito mais simples e automatizada. 

Com mudanças tão drásticas no mercado, a capacitação não exige apenas técnicas, mas também de habilidades interpessoais, que são essenciais para se manter no mercado de trabalho.

Então, continue nos seguindo para acompanhar não apenas o que você precisa saber sobre mercado financeiro, economia e negócios, mas também sobre como se manter atualizado para o mercado!

Inscreva-se na nossa newsletter!