Início » Negócios » Mercado Livre compra a plataforma de entregas Kangu

Mercado Livre compra a plataforma de entregas Kangu

Aquisições a todo vapor e entregas cada vez mais ágeis!
Mercado livre
Divulgação

Será que o Magalu fez moda ao adquirir plataformas de entregas super rápidas?

Agora foi a vez do Mercado Livre: a empresa anunciou nesta terça (24) que adquiriu 100% da Kangu, que atua no setor de serviços logísticos e entregas em 3 países: Brasil, México e Colômbia.

A empresa adquirida é uma startup criada em 2018, com 5 mil pontos contando coleta e entrega – metade deles aqui no Brasil. Hoje a rede é utilizada por mais de 40 mil vendedores.

A proposta da empresa é usar pequenas lojas de bairro como pontos de coleta e entrega de encomendas, ampliando a rede logística sem depender de terceiros como os Correios, por exemplo, e assim conectar vendedores de e-commerce à sua rede de lojas de bairro parceiras.

A Kangu, segundo o Mercado Livre, já era parceira da empresa e agora as duas resolveram dar um passo adiante com essa aquisição estratégica.

Sobre isso, a empresa se posicionou em nota:

“A aquisição da totalidade da empresa vai ao encontro da estratégia da plataforma, que investe em sua malha logística para garantir eficiência aos vendedores e entrega mais rápida”

Além disso, a aquisição  pelo Mercado Livre  ocorreu após a inauguração de dois centros novos de distribuição no Brasil: em São Paulo e em Belo Horizonte, o que vai deve nos resultados.

Os pontos também poderão ser usados para devolução de produtos sem que os clientes fiquem reféns de filas nos Correios, segundo Renato Pereira, diretor de Novos Negócios do Mercado Livre, à Reuters.

De acordo com o copresidente da Kangu, Marcelo Guarnieri, a meta é elevar o número de pontos de entrega e coleta dos atuais 2.6 mil para 3,5 mil no Brasil até o fim do ano.

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp