Magazine Luiza compra startup de marketing digital Juni

A compra deve ajudar a aprimorar o Super App da empresa
Magazine Luiza Foto Loja

O Magazine Luiza concluiu, na noite da última quarta-feira (7), a compra da startup de marketing digital Juni. A empresa é especializada em mapear e analisar o comportamento dos clientes durante as etapas de uma compra online.

Conforme o fato relevante enviado para a Comissão de Valores Mobiliários, a aquisição deve ajudar o Magazine Luiza a aprimorar a experiência dos usuários que utilizam o Super App do Magalu, como é denominada a plataforma de compra e venda da empresa. 

Adm Explica

Fato relevante é o nome dado ao comunicado enviado pelas empresas para a CVM, órgão fiscalizador do mercado de valores, para divulgar uma informação importante. Os assuntos abordados nestes relatórios costumam gerar impactos relevantes nas companhias, o que os torna importantes para os acionistas.

Além de melhorar a usabilidade da plataforma para os clientes, a varejista informou ainda que os serviços oferecidos pela startup poderão auxiliar os mais de 56 mil vendedores que oferecem seus produtos no marketplace do Magalu.

Consequentemente, a companhia espera que o número de vendas realizadas por estas pessoas também aumente.

"Com a aquisição, o Super App do Magalu contará com novas ferramentas baseadas em análise de dados para aprimorar cada vez mais a experiência do cliente, otimizando a conversão e promovendo o crescimento de vendas do e-commerce"

escreveu o Magazine Luiza em nota

E o Magalu não para!

A compra da Juni por um valor que ainda não foi divulgado é a nona aquisição realizada pelo Magazine Luiza nos últimos sete meses.

Ainda nesta semana, o Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) aprovou, sem restrições, a compra da plataforma de processamento de cartões de crédito em nuvem Bit 55 pela varejista.

Além disso, a companhia também adquiriu recentemente a plataforma de buscas SmartHint, os canais de conteúdo Steal The Look e Jovem Nerd, as empresas do setor de delivery ToNoLucro, GrandChef e Plus Delivery e a VipCommerce, de softwares.

Qual será a próxima empresa comprada pelo Magalu?

Inscreva-se na nossa newsletter!