Facebook atinge US$ 1 trilhão em valor de mercado nos EUA

Primeira empresa criada após os anos 2000 a atingir a marca. Boa, Markinho!
ícones do Facebook e Messenger ao lado

Mais uma pro “clube do trilhão”, rs. É assim que chamam as empresas com valor de mercado igual ou superior a US$ 1 trilhão. Nessa segunda-feira (28), foi a vez do Facebook de atingir essa marca. 

A rede social, fundada em 2004 por Mark Zuckerberg – também conhecido por Markinho – é a primeira empresa que foi criada após os anos 2000 a atingir a marca. 

Um dos fatos que contribuíram para isso foi que as ações tiveram uma alta recente devido a um processo que estava rolando contra o Facebook, que foi indeferido (negado, cancelado, rejeitado!). A acusação era sobre a empresa ter violado leis antitruste do país. 

Adm Explica

Basicamente, uma Lei Antitruste tem o objetivo de reprimir o exercício considerado abusivo do aumento do poder de mercado.

😱 Monopólio? 

No caso da acusação, eles teriam violado a lei para se tornar um monopólio das redes sociais por comprar suas rivais como Whatsapp e Instagram – por US$ 19 bilhões e US$ 1 bilhão, respectivamente.

Isso foi visto pelas autoridades como prejudicial aos competidores do ramo. O processo tinha sido feito pela Comissão Federal de Comércio norte-americana (sigla em inglês: FTC) e foi indeferido pelo juiz, mas segundo ele ainda haverá uma nova reclamação apresentada até o final do próximo mês.

Segundo o juiz James Boasberd, o FTC não foi capaz de demonstrar que o Facebook tinha de fato poder de monopolizar. 

O porta-voz do Facebook afirmou que a empresa esperava uma decisão a favor e consideram-se satisfeitos com o reconhecimento de que as reclamações do governo contra o Facebook não eram coerentes. 

Ele ainda acrescenta ao jornal The New York Times:

"Competimos de forma justa todos os dias para ganhar o tempo e a atenção das pessoas e continuaremos a fornecer ótimos produtos às pessoas e empresas que usam nossos serviços".

Inscreva-se na nossa newsletter!