Início » Negócios » Elon Musk violou normas judiciais por seus tuítes, segundo SEC

Elon Musk violou normas judiciais por seus tuítes, segundo SEC

Po, Tio Musk, tuíta sobre o real e pra ver se ele dá uma subida!
Elon-Musk-qestionando
Foto: Patrick Pleul/picture alliance via Getty Images

Nosso mago das criptos no twitter, Elon Musk, descumpriu ordens judiciais que exigiam que os advogados da Tesla verificassem seus tuítes antes de serem publicados. Segundo o Wall Street Journal, que disse isso foi a SEC, sigla para Securities and Exchange Commission, que é basicamente a CVM (Comissão de Valores Mobiliários) dos EUA.

Apesar de ele sempre twittar sobre as criptomoedas, a preocupação específica da SEC é quanto aos tuítes sobre dados de fabricação e preço de suas ações. Em 2019, ele publicou sobre estarem acelerando a linha de produção e um número estimado de tetos solares a serem produzidos até o final do ano.

Segundo a SEC, esse tuíte de julho de 2019 deveria ter sido verificado e aprovado anteriormente pela empresa, dado que exigia que estimativas de produção, vendas ou entregas não pudessem ser compartilhadas mundo a fora.

Outro caso foi em maio de 2020, em que depois de um tuíte de Musk falando “o preço das ações da Tesla estão muito altos na minha opinião”, as ações da Tesla caíram consideravelmente.

Ele ainda brinca em outros tuítes dizendo que SEC era uma sigla em que o E significava “Elon”. O conselho externo da empresa diz que o SEC.

A SEC ainda afirma, em junho de 2020:

“Exigimos que a empresa reconsidere suas posturas sobre essa questão ao agir na implementação e aplicar controles de informações e procedimentos […] para evitar danos futuros aos acionistas”.

O CEO da Tesla também é criticado no mundo das criptos. Segundo um pesquisador do Blockchain Research Lab, os volumes de negociação tornam-se anormais após cada tuíte de Musk referente às criptos, em períodos de tempo diferentes.

“Se um único tuíte pode resultar em um aumento de US$ 111 bilhões na capitalização de mercado do bitcoin, um tuíte diferente também poderia eliminar um valor similar.”, afirma o pesquisador.

Parte da comunidade das criptomoedas lança campanhas afirmando que Elon Musk não é nenhuma autoridade no assunto e nem quanto ao impacto ambiental da mineração do Bitcoin, devendo, portanto, cuidar apenas de seus negócios em relação ao espaço.

Foque-no-espaço_-Elon-_russellokung
“Fique com o espaço, Elon”, critica o jogador Russell Okung, grande defensor da tecnologia cripto. Imagem: “Bitcoin Is”
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp