Início » Investimentos » Lucro da Itaúsa dispara quase 500% no 2° trimestre

Lucro da Itaúsa dispara quase 500% no 2° trimestre

E dessa vez atingiu R$ 3,5 bilhões. Bancões atacam novamente!
Itaúsa tem lucro de R$ 2,6 bilhões no 3° trimestre, com alta de 35,4%
(Foto: Itausa/Divulgação)

Itaúsa,  a holding que controla o Itaú, obteve um crescimento no lucro de quase 500% no 2º trimestre deste ano, quando comparado ao ano passado. O valor registrado foi de R$ 3,5 bilhões.

Isso indica que a economia está em rumo de recuperação, melhorando os resultados registrados dos grandes brancos, como trouxemos esta semana.

O caminhar para um possível fim da pandemia e um avanço da vacinação no país também contribuem para essa melhora.

O lucro líquido recorrente registrado, por sua vez, foi de R$ 2,86 bilhões – aumentando cerca de 99% em relação ao ano trimestre do ano anterior.

Esse resultado foi devido a dois fatores: principalmente o maior ativo da Itaúsa – certamente o Itaú, e fatores fiscais. 

Isso porque houve a reavaliação de crédito tributário com a majoração da alíquota de CSLL (Contribuição Social sobre o Lucro Líquido)”.  Isso significa, basicamente, que a quantidade de impostos pagos em cima do lucro líquido aumentou esse ano. Por isso, foi concedido mais crédito. Isso contribuiu para um ganho de R$ 476 milhões.

Além disso, os ativos fora do banco também trouxeram grande aumento de receita, como a fabricante Alpargatas e a Dexco (ALPA4 e DTEX3, respectivamente na bolsa).

Agora para a alegria dos investidores, em um comunicado, a holding informou que vai pagar Juros sobre Capital Próprio (JCP) brutos de R$ 0,03734 por ação devido ao dividendo obrigatório do exercício de 2021 – sendo que, com 15% de IR, o líquido ficará um pouco menor.

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp