Início » Investimentos » Bitcoin em queda livre tem maior recorde negativo desde janeiro

Bitcoin em queda livre tem maior recorde negativo desde janeiro

Moeda representando o Bitcoin em um fundo com gráficos de linhas em vermelho caindo em
Imagem: Getty Images

Eu tô com saudade daquelas subidinhas que tu tem, volta bebê, volta neném. Se não for você, Bitcoin, não vai ser ninguém. 😫

🚑 Todo mundo com eletrocardiograma em dia? Coração tranquilo e com saúde? Tem que perguntar já que o Bitcoin resolveu despencar de vez e deixar uma galera na mão do palhaço de ontem pra hoje.

O Bitcoin (BTC) caiu para a casa dos US$ 30 mil dólares pela primeira vez em três meses hoje, no que o mercado está chamando de sell-off gigantesco, a famosa liquidação!

São mais de 20% de queda nas últimas 24 horas, numa das mais violentas chacoalhadas na vida de qualquer Holder. Dedo na cara, confusão, gritaria e o Bitcoin mandou avisar que “não vai subir ninguém”.

E toda aquela valorização do início do ano que veio com o anúncio da Tesla? Sumiu mais rápido que eu quando dá sexta-feira no escritório. Já era.

Mas antes que a gente comece a malhar o Elon Musk à toa, vamos entender a linha do tempo:

De fato, os comentários de Elon Musk e o novo posicionamento da Tesla quanto ao Bitcoin resultaram na perda de mais de US$300 bilhões em valor de mercado no mundo das criptomoedas, segundo a CNBC.

Mas depois disso, houve bancos chineses ontem emitindo alertas contra o uso de Bitcoin em transações financeiras também.

E isso tudo somado à uma tendência recente de investidores se desfazendo de Bitcoin para investir em ouro.

Será que tem cabimento um negócio desses? 

Segundo relatório da JPMorgan, os tubarões grandes de Wall Street estão pulando fora em direção ao ouro, reserva de valor mais segura e previsível aos olhos deles.

Então está aí o caô. Este é o primeiro grande teste das criptomoedas este ano depois de um início ‘avassalador’ (digdin-digdin). A pergunta é a mesma de sempre: hora de largar o aço comprando ou pular fora enquanto dá?

💡 Fora a zoeira, a informação é relevante, mas nenhuma decisão financeira deve ser pautada pela euforia e/ou desespero. 

Dá uma olhada no vídeo que fizemos explicando certinho para vocês esse cenário:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp