Rússia ameaça retaliar se Otan e EUA não recuarem 

Países do ocidente acreditam que Rússia quer invadir a Ucrânia
Imagens de soldados, simbolizando acordo entre Rússia e Ucrânia

Se o BBB 22 anda muito parado, o clima anda esquentando entre a Rússia e a Ucrânia. Desde o final do ano passado a Rússia tem posicionado seu exército na fronteira do país vizinho. Otan e EUA também enviaram seus soldados para impedir o avanço russo. 

E 2022 só está começando… 

Por que a Rússia e a Ucrânia estão se estranhando?

Parece que a Rússia ainda não superou a separação com a Ucrânia. Este último costumava fazer parte do território russo, mas em 1994 conquistou sua independência. 

Em 2014 o país da vodka tomou posse da Crimeia, que fazia parte da Ucrânia. E foi briga, menino. Cerca de 14 mil pessoas morreram no meio dessa armada. 

Agora, mais recentemente, a Rússia posicionou seus homens na fronteira leste do país vizinho, como quem não quer nada. Acredita-se que pode haver uma nova invasão russa. 

E o que a Otan e os EUA têm a ver com isso? 

 A Otan, Organização do Tratado do Atlântico Norte, é uma aliança militar feita por 12 países, incluindo EUA, Reino Unido e França.

O objetivo da aliança é a proteção mútua. Isso quer dizer que se um país não membro do clubinho da bala quiser brigar com algum membro, vai comprar briga com todos os 12 países da organização. 

O interesse na Ucrânia se dá pela proximidade com o país de Putin. Conhece aquela “mantenha seus amigos por perto e seus inimigos mais perto ainda”? E a Rússia que não é boba, está com medo que seu vizinho entre no tal clube. 

Assim, seus inimigos históricos estariam mais próximos de suas fronteiras. Sentiu aí? 

E que retaliações seriam essas? O bicho vai pegar? 

Não está claro quais seriam essas retaliações russas. Porém, o chanceler do país disse que se a Otan e os EUA não retirarem suas tropas da Ucrânia, os seus soldadinhos farão uma visita para Cuba e Venezuela. 

Bem naquelas de “já que vocês querem um país que fica próximo do meu, vamos invadir países que ficam próximos do seu”. 

Além disso, a Rússia exige que a Otan jamais aceite integrar a Ucrânia como membro, pelos motivos já citados acima. 

Todavia, a Otan e os United States não parecem nem um pouco dispostos a aceitar essas demandas. Inclusive já disseram que não vão mesmo. 

Enfim, a gente segue acompanhando essa novela torcendo por um final tranquilo.

Inscreva-se na nossa newsletter!