Turquia apresenta plano para estabilização de sua moeda

“Aí que mora o perigo, aí que eu caio lindo. Aí que eu sei das consequências mesmo assim vou indo…”
cédulas da moeda da Turquia

O governo Turco divulgou plano que promete estabilizar sua moeda local. Essas medidas visam convencer a população a manter sua reserva econômica em lira turca. 

Senta que lá vem história. 

Quais medidas são essas? 

Primeiramente, o Ministério das Finanças da Turquia pretende criar contas especiais que vão proteger da taxa de câmbio. 

Só para reforçar, a taxa de câmbio é o valor de uma moeda em relação a outra.

A proposta é equilibrar as moedas, fazendo com que a lira tenha o mesmo valor que uma moeda estrangeira mais valorizada. 

Para isso, o governo promete compensar qualquer desvalorização da lira do momento em que o cidadão abre uma conta, até o seu fechamento. 

O mínimo para que essa conta permaneça aberta é de três meses, para que assim o governo faça a compensação. 

Minha avó me dizia: “Meu filho, meu filho. Tu vai ver coisas, tu vai ver coisas”.

Mas e aí? A moeda começou a valorizar depois do anúncio?

A princípio, sim! O que não se sabe é se a medida vai segurar a fé dos investidores na moeda local por muito tempo. 

A inflação reduziu tanto o poder de compra da libra que provocou uma transferência de capital para países com uma moeda mais forte

Para se ter uma noção do quanto a moeda da Turquia vai mal, considere que 1 lira turca vale apenas R$ 0,46 centavos. E olha que nossa moeda também não está na sua melhor fase. 

E por que o governo não aumenta a taxa básica de juros para conter a inflação? 

Pois então, o presidente turco parece não gostar dessa ideia. Tanto é que pressionou o Banco Central da Turquia para cortar a taxa de juros quatro vezes nos últimos meses. 

O plano com os juros baixos era tornar as exportações de produtos do país mais atraentes para outros países. 

Analistas econômicos pontuam que a proposta pode trazer uma estabilidade no curto prazo. Contudo, os riscos dessa política econômica são enormes. 

O presidente do país, Recep Tayyip Erdogan, tenta recuperar sua popularidade, que despencou com a crise financeira. Com intenção de ser reeleito nas próximas eleições, acredita que seu plano vai funcionar até que isso aconteça. 

Esse gosta de viver perigosamente. 

Inscreva-se na nossa newsletter!