Rússia eleva taxa básica de juros de 9,5% para 20%

Corretoras russas são proibidas de vender títulos do país
moeda da Rússia

Será que a Rússia está mostrando desespero? Tentando amenizar prejuízos, Banco Central da Rússia anuncia aumento na taxa básica de juros, entre outras medidas. 

Que medidas são essas?

Por hora, temos a divulgação de um aumento na taxa básica de juros da Rússia, que antes era de 9,5% e a partir de hoje será de 20%. 

Alguém com coragem de guardar dinheiro no cofrinho russo por esses dias?

Isso quer dizer, basicamente, que o investidor que empresta dinheiro para o país de Putin receberá no futuro seu dinheiro com 20% de juros rendendo ao ano. 

Por outro lado, para a população russa de modo geral, fazer contas pedindo empréstimos ou financiamentos vai sair ainda mais caro. De maneira que as pessoas vão comprar menos e o setor produtivo terá tempo de abastecer o mercado evitando um levante nos preços. 

Além disso, a Rússia também proibiu que corretoras russas vendessem títulos do tesouro do governo. Ou seja, se você tem títulos da Rússia e quiser vendê-los para resgatar suas verdinhas, vai ficar querendo. 

Essas medidas podem ajudar?

O que é um arranhão para quem já está cozido? De certo modo, no curto prazo pode surtir efeito. 

Contudo, imagine ser um empresário russo, no meio deste ‘queima quengaral’, precisando desesperadamente de um empréstimo dos bancos para manter sua empresa viva e agora se depara com um juros de quase 20% pelo ‘help’. 

Ademais, o infeliz sequer poderá pedir uma ajuda para um banco da gringa, já que os governos de outros países proibiram as negociações de bancos locais com empresas da Rússia. 

Por fim, proibir corretoras de vender os títulos do tesouro russo para evitar o grande volume de vendas e a consequente desvalorização da moeda pode funcionar por hora. 

Porém, quem é que vai ser ‘macho’ para comprar títulos da Rússia quando tudo isso acabar, sabendo que o governo pode impedir você de vender seus títulos quando bem entender?

E como está a economia por lá?

Está quase dizendo “Oi” para o ‘Lúcio’ de tanto que desceu. Para se ter uma ideia, 119,05 rublos russos chegaram a valer US$1. Representando uma queda de 28% só nesta manhã.

Assim, considerando todos os castigos econômicos que vem sofrendo a Rússia, será possível que ela consiga pagar suas dívidas?

Inscreva-se na nossa newsletter!