Petrobras anuncia redução de 5,58% no preço do gás de cozinha

Novo preço começará a valer a partir de amanhã segundo a estatal
Vários botijões de gás de cozinha

Não era exatamente a notícia que todos esperavam, mas o gás de cozinha já é um começo.

A Petrobras anunciou que irá reduzir o preço, para as distribuidoras, do gás de cozinha, conhecido como GLP (Gás Liquefeito de Petróleo). 

O que antes custava R$ 4,48 por quilo, agora passará a custar R$ 4,23 a partir de amanhã. Essa mudança no preço resulta em uma queda de 5,58%. 

O que causou essa queda no gás de cozinha?

Segundo o próprio comunicado da Petrobras, a companhia disse que essa queda é resultado da queda do dólar, juntamente com o alívio da alta dos preços dos combustíveis nas últimas semanas.

Além disso, outra questão que pode ter influenciado essa alteração dos preços, está ao redor da movimentação no comando da estatal.

Nesta semana, tivemos muitos rumores sobre quem assumiria o lugar de Joaquim Silva e Luna, ex-CEO da Petrobras, que está deixando o cargo por atritos com o presidente Jair Bolsonaro.

As críticas do Presidente da República giravam em torno do aumento dos preços dos combustíveis e gás de cozinha.

Agora com a mudança no comando, a partir do dia 13, pode ser uma estratégia para aliviar as tensões sobre este assunto.

Segurem os ânimos

O último reajuste no gás de cozinha, aconteceu há quase um mês atrás, no dia 11 de março. Agora sai uma nova mudança nos preços.

Apesar de mostrar um alívio agora, a companhia ainda confirmou que a política se mantém a mesma, que consiste em manter “preços competitivos e em equilíbrio com o mercado”. 

Portanto, caso haja um novo aumento consistente na cotação dos combustíveis ou mesmo do câmbio da moeda americana, os preços podem voltar a subir no futuro.

Mas para você ficar sabendo de tudo que o seu dinheiro precisa, só assinar a nossa newsletter gratuita.

Inscreva-se na nossa newsletter!