Mercado Livre anuncia investimento de R$ 4 bilhões no Estado de São Paulo

Veículos de entrega do Mercado livre estacionados, e caixa de entrega na frente dos veículos em uma ruaVeículos de entrega do Mercado livre estacionados, e caixa de entrega na frente dos veículos em uma rua

Serão gerados mais 5 mil vagas e acordo com governo estadual conta com a capacitação de jovens.

Nesta segunda-feira (17), o Mercado Livre (MELI34) anunciou seus planos para o Estado de São Paulo.

A empresa havia comunicado que investiria R$ 10 bilhões no Brasil em 2021, um montante 250% maior do que em 2020. E ontem (17), a empresa revelou que 40% desse aporte, ou seja, R$ 4 bilhões serão investidos no Estado de São Paulo.

Esse valor que será usado em São Paulo foi o investimento total que a empresa fez no país no ano passado.

Segundo Fernando Yunes, presidente do Mercado Livre no Brasil, “é provável que no ano que vem o investimento seja ainda maior, dado que a penetração do comércio eletrônico no Brasil é de 11%. Antes da pandemia era 5%, há muito espaço para crescimento. Nos Estados Unidos, é 25%”.

E ainda completou dizendo: “85% dos nossos vendedores estão em São Paulo. Por isso, o investimento em logística aqui faz sentido.”

Além disso, a empresa de e-commerce, irá abrir mais de 7 mil vagas no Brasil, sendo que desse total, 5 mil vagas serão criadas no mercado de trabalho paulista: 4,1 mil para a área de logística, 450 para o setor de tecnologia e 450 distribuídas pela empresa.

Esse processo seletivo será para as cidades de Cajamar, Osasco e Louveira.

E não para por aí!

O Governador de São Paulo, João Doria, anunciou um acordo entre o Estado de São Paulo e o Mercado Livre para capacitar e gerar empregos voltados para estudantes entre 18 e 24 anos do Centro Paula Souza (CPS), que administra 223 Escolas técnicas (Etecs) e 73 Faculdades de tecnologia (Fatecs), contando com mais de 322 mil alunos ao todo.

E se não bastasse tudo isso, a empresa irá fornecer acesso a cursos on-line para mais de 100 mil pessoas que utilizam o marketplace para vender seus produtos. E para auxiliar, o governo estadual irá fornecer microcréditos para mais de 350 mil empreendedores.

Inscreva-se na nossa newsletter!