Governo pretende reduzir imposto de produtos importados

Importação de 11 itens da cesta básica terão alíquota zero
foto de ministro do governo

Com a inflação deixando o cabelo do ministro Paulo Guedes ainda mais grisalho, o governo federal planeja redução e até isenção de imposto de alguns produtos importados. 

Quais os planos do governo?

O Ministério da Economia planeja anunciar na quinta-feira, 12/05, que o governo federal vai reduzir a Tarifa Externa Comum, TEC em 10% e até isentar de imposto alguns produtos gringos. Entre as isenções, 11 itens da cesta básica terão alíquota zero. 

A isenção também vai acontecer para produtos siderúrgicos, usados pela construção civil.

O que ‘infame’ é essa TEC?

Como os senhores já sabem, nosso país faz parte de um bloco econômico chamado Mercosul. Nesse grupo junto com o Brasil, temos países como Argentina, Uruguai, Paraguai, entre outros. 

As nações pertencentes a esse bloco fizeram um acordo para taxar de forma igual a maioria dos produtos que são comprados em países fora do Mercosul.

Assim, a ideia é equilibrar a competitividade entre os coleguinhas.

Imagine se as empresas que precisam importar pagassem menos imposto aqui do que pagam na Argentina, por exemplo. O que aconteceria? Um fluxo de empresários argentinos saindo do país hermano e vindo para o Brasil.

Por isso, o pacto para taxar igualmente os itens comprados no exterior foi estabelecido, que é a TEC. Mas há exceções. Alguns produtinhos têm taxações diferentes para cada membro do grupo. 

Enfim, empresas que compram itens de países que não fazem parte do Mercosul, terão uma redução de 10% na TEC. 

O governo tem bala para todas essas isenções e reduções?

De acordo com o ministro Paulo Guedes, a alta arrecadação de impostos nos últimos meses está permitindo todos esses cortes. 

Contudo, o ministro tem apelado para que uma ‘minirreforma tributária’ passe no Senado. Nela, um impostinho de 15% sobre lucros e dividendos para pessoas físicas. Isso daria um gás nas contas do governo, mas deixará o investidor pistola. 

Inscreva-se na nossa newsletter!