Anvisa recusa proposta para aplicar Coronovac em crianças e adolescentes

Falem bem ou falem mal, mas falem de Coronavac
vacina-coronavac

Vacina não mata, o que mata é o vácuo da morena né não? 

A Coronovac está dando o que falar e desta vez foi a vez da Agência Nacional de Vigilância Sanitária que rejeitou a proposta para usar a Coronavac em crianças e adolescentes entre 3 e 17 anos. 

O lance foi o seguinte, o gerente de Avaliação de Segurança e Eficácia de Medicamentos da Anvisa afirmou que após testes e análises técnicas não é possível ter uma validação de proteção que confirme que o imunizante do Butantã seja eficaz principalmente em crianças.

Até esse momento, a vacina da Coronavac é liberada apenas para uso emergencial para pessoas com mais de 18 anos; por enquanto a única vacina permitida para adolescentes entre 12 e 17 anos é a Pfizer. 

Em nota, o Instituto Butantã declarou que irá providenciar o mais rápido possível estudos solicitados pela Anvisa para “regularizar” a situação da vacina.

Inscreva-se na nossa newsletter!